Botucatu: Secretaria do Verde transforma poda de árvore em adubo

AdSense Postagem 01

Postagem Única 01 Mobile

Você já viu a Prefeitura podando ou retirando uma árvore? Já percebeu que o caminhão que acompanha o serviço possui um equipamento acoplado a ele em que os funcionários jogam os galhos retirados? Você sabe para que serve? Para onde vai este material?

Este equipamento é um triturador de galhos que como o próprio nome já sugere, tritura os galhos, ramos, folhas e cascas das árvores que foram podadas ou retiradas dos logradouros públicos.

Considerado um equipamento essencial para o desenvolvimento de uma gestão pública sustentável, o triturador possibilita uma destinação mais nobre desses resíduos e serve de alternativa para a produção de energia limpa, como produção de cavacos e compostagem.

Em Botucatu, todo este resíduo vira composto orgânico, por meio de uma parceria da Secretaria do Verde com a Faculdade de Ciências Agronômicas da Unesp. Mensalmente são encaminhados 35 caminhões com capacidade de 6 metros cúbicos cada para o sistema de compostagem localizado na Fazenda Lageado.

Lá ele é misturado ao esterco dos animais e depois de passar por todo o processo de aeração e elevação de temperatura para eliminar todo microorganismo patogênico, torna-se fertilizante e é utilizado nas hortas comunitárias.

Além da vantagem ambiental, o triturador proporciona redução de custos de transportes, por meio da diminuição do volume do resíduo a ser transportado.

Todo pedido de poda ou retirada de árvore deve ser realizado por meio do Balcão da Cidadania. O pedido será autorizado somente se a árvore apresentar algum tipo de risco, e no caso da autorização, terá que ser plantada outra no local.

 

Fonte: Prefeitura de Botucatu

Postagem Única 02 Mobile

Anunciantes